Benefícios do óleo de cártamo

Benefícios do óleo de cártamo
Rate this post

Os produtos naturais ou fitoterápicos estão ganhando cada vez mais importância no cuidado com a nossa saúde e melhoria da aparência de nossa pele e inclusive no combate ao envelhecimento precoce.

Destes elementos, um dos que vem ganhando cada vez mais notoriedade é o óleo de cártamo. Extraído do cártamo, uma planta medicinal, esse óleo é muito utilizado por quem quer combater a obesidade e perder peso de forma natural, sem precisar recorrer a remédios que acabam com sua saúde.

Mas, você sabia que esse produto tem outras propriedades que fazem uma verdadeira revolução em seu organismo? E que ele é capaz de melhorar ainda mais a sua saúde? Não? Então esse texto é para você. Aqui reunimos tudo o que você precisa saber sobre o óleo de cártamo.

O que é o óleo de cártamo?

O óleo de cártamo é um produto retirado da planta medicinal Carthamus tinctorius. De origem asiática, essa planta é rica em inúmeros nutrientes, como a vitamina A, B6, B12, C, D, cálcio, carboidratos, ferro e gorduras poli e insaturadas, além de magnésio, ômegas 6 e 9, potássio, proteínas e sódio.

Para que serve o óleo de cártamo?

Muita gente que conhece esse óleo o utiliza para o emagrecimento. No entanto, os nutrientes existentes em sua formulação, beneficiam o corpo de muitas outras formas, contribuindo para aumentar e melhorar a saúde.

Por exemplo, o consumo regular do óleo de cártamo ajuda a aumentar os níveis de HDL, o bom colesterol, e diminuem a quantidade de LDL, o colesterol ruim, no organismo, graças à presença dos ômegas 6 e 9, que limpam as artérias.

Os ômegas 6 e 9 e a presença de potássio nesse componente contribuem também para prevenir doenças cardiovasculares, como o enfarto do miocárdio e o AVC (Acidente Vascular Cerebral, o popular derrame), justamente por limpar as artérias e reduzir o colesterol, evitando o depósito de placas de gordura nessas estruturas.

O óleo de cártamo é positivo também no controle dos níveis de açúcar no sangue, aumentando a sensibilidade à insulina nos pacientes portadores de diabetes, e impedindo os picos glicêmicos, que podem colocar a vida destas pessoas em risco e provocar graves sequelas.

As muitas vitaminas encontradas no óleo de cártamo ajudam a hidratar os cabelos e a pele, deixando-os muito mais jovens e com uma aparência saudável e com muito brilho e vida.

A vitamina C presente no óleo de cártamo ajuda a reduzir as linhas de expressão, prevenindo sinais de envelhecimento precoce, deixando quem o consome com a aparência muito mais jovem.

Além disso, ele é um antioxidante poderoso, protegendo o organismo contra os radicais livres. Essa proteção ajuda, ainda, a melhorar o funcionamento do sistema imunológico, impedindo a ocorrência de infecções e inflamações.

Quais os tipos de óleo de cártamo existentes?

O óleo de cártamo possui dois tipos diferentes: o monoinsaturado e o poli-insaturado, e cada um deles é utilizado de formas distintas.

Por exemplo, o óleo de cártamo monoinsaturado é rico em ômega 9 e muito utilizado na culinária, para a elaboração de pratos quentes e frituras, como substituição ao óleo de soja ou demais. Como não tem sabor, o óleo de cártamo não influencia no sabor dos alimentos preparados.

Já o óleo de cártamo poli-insaturado é rico em ômega 6 e não deve ser levado ao fogo. Esse produto é rico em vitaminas, minerais e traz inúmeros benefícios ao corpo. Ele ajuda, por exemplo, a reduzir o colesterol, limpar as artérias e reduzir as chances do aparecimento de doenças cardiovasculares ou o AVC.

Além disso, o óleo de cártamo poli-insaturado previne o envelhecimento precoce, combate o aparecimento de rugas e dá à pele um aspecto mais jovem e muito hidratado, além de fortalecer o sistema imunológico e combater infecções e inflamações.

Afinal, o óleo de cártamo ajuda a emagrecer?

Conforme comentamos no início desse texto, o óleo de cártamo é famoso por seu uso como emagrecedor, já que ele ajuda a diminuir a quantidade de gordura abdominal.

Rico em gorduras poli e monoinsaturadas, as gorduras boas, ele aumenta a sensação de saciedade, diminuindo assim a quantidade de alimentos ingeridos, reduzindo também a quantidade de calorias ingeridas a cada refeição.

Além disso, o óleo de cártamo ajuda também a controlar os níveis de glicose no sangue. O descontrole da glicose estimula a alta concentração de insulina no corpo. Esse hormônio ajuda a acumular muito açúcar no organismo. Esse açúcar aumenta a quantidade de gordura armazenada no tecido adiposo.

No entanto, os especialistas recomendam que óleo de cártamo seja consumido para ajudar no emagrecimento apenas por aquelas pessoas que pratiquem exercícios físicos com frequência.

Do contrário, a gordura existente no produto não será consumida como energia e terminará se acumulando em alguns órgãos, como o fígado, por exemplo.

Como consumir o óleo de cártamo?

O óleo de cártamo poli-insaturado, o mais utilizado por quem quer emagrecer ou ver sua saúde melhorar intensamente em pouco tempo, é vendido sob a forma de cápsulas, em estabelecimentos especializados em alimentos naturais.

Para obter todos esses benefícios, é importante consumir uma ou duas cápsulas do produto todos os dias.

Combinações possíveis do óleo de coco para ver seus efeitos turbinados

Para aproveitar ainda mais os benefícios que o óleo de cártamo pode trazer ao seu organismo é possível combiná-lo com outros produtos, que tornarão o funcionamento do seu corpo ainda mais ativo.

Um deles é o guaraná. Ao combinar o óleo de cártamo com guaraná, você não apenas melhora seu desempenho durante os exercícios físicos como também acelera seu metabolismo, garantindo que a queima de gordura seja ainda maior.

A mistura de óleo de cártamo com cafeína é outra opção para aqueles que buscam energia extra para as atividades físicas e querem perder bastante peso.

Já o uso do óleo de cártamo com o óleo de coco é o ideal para quem quer emagrecer, já que os dois produtos causam uma sensação de saciedade, acelerar o metabolismo e aumentar a queima de gordura corporal, sobretudo na região do abdômen.

Leave a Reply