Corrida

Corrida
Rate this post

Hoje em dia, está em alta cuidar da saúde. Mesmo sendo uma obrigação que vem desde quando nascemos, somente na parte adulta da vida é que começamos a nos preocupar realmente com a saúde. E, com isso, o número de pessoas na academia cresce de forma exponencial.

É certo que a melhor forma de manter a saúde em dia se dá pela prática de atividades físicas, aliadas com uma boa alimentação, mas existem casos em que a pessoa não possui recursos financeiros para arcar com os valores cobrados pelas academias ou pelos profissionais de educação física. E agora, o que elas fazem?

Pois então, um dos melhores exercícios a ser feito que você não irá gastar com nada é a corrida. Este exercício que requer apenas que coloquemos um tênis, um short de corrida, dependendo do tempo uma camiseta ou blusa de manga e pernas para que te quero.

Tudo isso para que o ser humano não caia no sedentarismo, que é o grande vilão, causador de diversos problemas de saúde, como taxa de colesterol alta, tendências ao diabetes e à pressão alta, sobrepeso e obesidade. Ninguém quer sofrer nada disso, não é mesmo?

Então, para não ser acometido por esses fatores, é importante praticar alguma atividade física. E, entre as diversas atividades existentes, uma das mais importantes e melhores, é a corrida. Quer saber mais sobre ela? Fique por aqui.

Pra que correr?

Para quem não sabe, a corrida é um dos esportes que mais cresceu nos últimos anos, e vem ganhando, cada vez mais, mais adeptos. Aos poucos, as pessoas vão descobrindo os benefícios que a corrida oferece. A única coisa que não pode acontecer é desistir no meio do caminho. Pior ainda é se você nem tentar.

Para te ajudar a ter forças e não desistir da corrida, observe os itens abaixo e veja o que você estará perdendo deixando a corrida de lado.

Você sabia que correr não dói?

Certamente você deve conhecer alguém que foi começar a correr e se machucou, abandonando de uma vez por todas o exercício. Acontece que essa pessoa pode ter se machucado porque ela não respeitou uma simples combinação “distância grande x pouco tempo”.

E o que isso significa? Simples. Você não pode e nem deve querer iniciar a corrida já partindo para uma maratona. As pessoas se machucam porque exigem mais do que podem e o corpo aguenta. É claro que outros fatores podem ocasionar lesões, mas de uma forma geral, o grande vilão é começar correndo mais do que pode.

É preciso entender a corrida e, com isso, respeitar os limites do seu corpo. Você precisa treinar para que o seu corpo vá se acostumando com o impacto da corrida. Não caia na lábia de quem começou a correr com 5 quilômetros, não existe.

Estudos indicam que quando a pessoa faz essa perigosa combinação, ela tem 80% de chance de se lesionar. Isso significa que, a corrida só irá te ferir, causar dor, se você for irresponsável e negligente com o seu corpo.

O grande erro de quem inicia na corrida é querer ir além do que as suas capacidades conseguem. Jogam o seu desenvolvimento de lado e querem fazer mais e mais. Com isso, geram lesões que poderiam ser facilmente evitadas se não fosse a teimosia. Aos poucos, você vai conquistando metros a mais, chegando mais longe, até que consiga atingir a sua própria maratona.

Quem pode praticar a corrida?

Mais uma coisa positiva sobre a corrida: qualquer pessoa pode praticá-la! É importante ressaltar que a pessoa deve ter capacidade física para isso, ou seja, que ela consiga aguentar a intensidade do esforço que será feito. Para aquelas pessoas que têm o hábito de caminhar e, com isso, já possuem certo condicionamento físico, a corrida é um pulo, se tornando um processo natural, pois o esforço que é exigido para manter a mesma frequência cardíaca no treino obriga a pessoa a aumentar o passo.

É extremamente importante que a pessoa, antes de começar a praticar a corrida, realize exames que possam atestar a sua capacidade física para desempenhar tal função. Verificar o seu estado nutricional, os medicamentos que utiliza e como está o seu condicionamento físico.

Quais são os benefícios da corrida?

A corrida oferece diversos benefícios para o corpo, como:

  • Ajuda a emagrecer. Pois é um dos esportes que mais queima calorias. Mas isso irá variar de acordo com a frequência que a pessoa conseguirá atingir;
  • Diminui os níveis de ansiedade e, dependendo do caso, pode até acabar com ela;
  • Acaba com a insônia, trazendo uma qualidade no sono que nunca teve antes;
  • Com a perda de peso, a taxa de colesterol acompanha, diminuindo consideravelmente;
  • Combate a osteoporose;
  • Ajuda a diminuir a pressão do sangue;
  • Alivia o estresse, pois a corrida libera a endorfina, que é um hormônio produzido pelo cérebro, que causa à pessoa uma sensação de bem-estar e de prazer, além de melhorar o humor;
  • Aumenta o condicionamento físico;

Qual o melhor tipo de treino?

Se você se animou com a corrida e quer colocar as suas pernas para praticá-la, este texto tem um treino bem tranquilo e legal para você fazer. Observe!

Na primeira semana:

Segunda-feira

  • Caminhada de 10 minutos;
  • Caminhada acelerada de 20 minutos;

Quarta-feira

  • Caminhada de 10 minutos;
  • Alternar a velocidade 6 vezes (3 minutos de caminhada e 1 minuto de trote)

Sexta-feira

  • Caminhada de 10 minutos;
  • Alternar a velocidade 5 vezes (3 minutos de caminhada e 2 minutos de trote);
  • Caminhada de 5 minutos.

Na terceira semana:

Segunda-feira

  • Caminhada de 15 minutos;
  • Trote de 10 minutos;
  • Caminhada de 5 minutos;

Quarta-feira

  • Caminhada de 5 minutos;
  • Alternar a velocidade 8 vezes (2 minutos de corrida leve e 2 minutos de caminhada);

Sexta-feira

  • Caminhada de 10 minutos;
  • Alternar a velocidade 5 vezes (5 minutos de trote e 2 minutos de caminhada).

Se você pegar como base esse treino, ao poucos você irá aumentando a sua resistência. É importante que você respeite o seu tempo, não exigindo demais do seu corpo. Outra coisa importante é respeitar os dias de descanso.

Leave a Reply