Os benefícios da Gelatina

Os benefícios da Gelatina
Rate this post

Ela é um dos alimentos mais benéficos para o nosso organismo como um todo. Sendo usada para tratamento e recuperação de pacientes em hospitais, ela é saborosa, refrescante, hipocalórica. Para quem adora doces e sobremesas, ela é ótima para combater aquela vontade por doces e guloseimas com baixo custo e fácil preparação.

Ingerir gelatina de forma regular, ajuda a diminuir o colesterol no sangue, triglicérides e controla o nível de glicemia, fortalece os ossos, prevenindo o organismo de doenças como a osteoporose. Traz uma maior resistência física, ajuda a retardar os sinais do envelhecimento, deixando cabelo, unhas e pele mais bonitos.

De onde a gelatina é extraída

A gelatina que comemos, consiste de gelatina natural, água, açúcar ou adoçante artificial e sabores artificiais, corante de comida.

A gelatina que consumimos é o colágeno processado, sendo, assim, a gelatina é de origem animal, pois o colágeno vem dos ossos, cascos e tecidos de ligação de vacas e porcos.

A gelatina é extraída quando, esses ossos e tecidos, são triturados em várias partes e passam por um tratamento com um ácido forte ou com uma base forte para quebrar as estruturas das células e liberar o colágeno. Depois a mistura é fervida e a grande molécula do colágeno se quebra de forma parcial, tendo a gelatina como produto final.

A gelatina pode ser usada em vários produtos, para dar uma maior consistência, emulsificar ou estabilizar iogurtes, chicletes, balas de goma, presunto e frango enlatados, salsicha, creme de leite, sopas e molhos, cream cheese, pasta para bolos, marshmallows, etc.

Colágeno

O colágeno possui uma grande quantidade de proteínas formadas por aminoácidos no organismo. Ele mantém as células unidas, sendo principal componente de proteínas da pele, cartilagens e ossos.

O colágeno é produzido pelo nosso corpo de forma natural, porém com o tempo a produção diminui a partir dos 30 anos. Com isso, acontece uma diminuição da elasticidade da pele com aparecimento de rugas e criando uma fragilidade articular e óssea, sendo preciso, repor esse nutriente.

A falta de colágeno no corpo leva à má formação óssea, rigidez dos músculos, problemas com crescimento, inflamação nas juntas, doenças cutâneas, diminuição da espessura do cabelo, desidratação, perda de elasticidade da pele, cria estrias, entre outros.

Alimentos com colágeno: queijo, leite, carnes, arroz junto com feijão, soja, ervilha, quinoa, as frutas com vitamina C e derivados, como as hortaliças.

Repondo colágeno

Com a diminuição de colágeno vem a necessidade de o repor, através de uma boa alimentação ou suplementos

Colágeno hidrolisado

É um suplemento nutricional em pó ou cápsula indicado para pessoas que desejam ou precisam aumentar o consumo de proteínas. Também é usado para cicatrização e recuperação de lesões e em processos de emagrecimento.

Cosméticos

Ele deixa a pele mais firme, ao usar produtos de beleza com colágeno, a pele torna-se mais macia, firme e saudável.

Produtos com colágeno ajudam na manutenção do tônus muscular, deixando a pele mais firme e menos flácida.

As qualidades da gelatina

A gelatina contém proteínas que, quando absorvidas pelo intestino, são digeridas, apenas parcialmente, fornecendo os aminoácidos fundamentais para manter ossos e reconstituir algumas articulações.

A gelatina possui 9 dos 10 aminoácidos essenciais para o bom funcionamento do nosso organismo que são consumidos através dos alimentos.

Ela ajuda a emagrecer?

Toda comida possui calorias, mas a gelatina possui quantidades bem menores que os doces que consumimos. Ela ajuda na sensação de saciedade, mas não deve ser consumida de forma exagerada. Ela pode ser ingerida como lanche entre refeições, em sucos e misturada com algumas frutas. Tudo para melhor seu valor nutritivo.

A gelatina light ou sem açúcar será bem mais benéfica, lembrando que, para obter esses benefícios, ela não deve ser junto com alimentos muito calóricos, como o leite condensado.

A gelatina sozinha não emagrece, é preciso se alimentar de forma balanceada e realizar exercícios físicos, para potencializar os efeitos.

Benefícios

As versões da gelatina suplementar e vegetal potencializam muito mais as vantagens que traz para o corpo humano, com menos conservantes.

Ela, também, é constituída por muitas vitaminas e compostos necessários para um bom funcionamento do corpo como o selênio e o fósforo. A gelatina:

Proporciona uma maior firmeza, elasticidade e hidratação da nossa pele.

Ajuda a fortalecer e hidratar as unhas e os cabelos.

Consumir o colágeno da gelatina, ajuda na construção para contribuir na formação de nossa massa muscular, é importante e essencial para a saúde da nossa boca.

O colágeno da gelatina ajuda a melhorar o sono.

Auxilia na prevenção da flacidez, prevenindo o aparecimento de celulites.

Consumo de alimentos com colágeno fortalecem os ossos e articulações.

Ajuda a prevenir de doenças ósseas como artrose, osteoporose e colesterol alto.

É um ótimo meio para a cicatrização da pele e tendões após cirurgias.

A gelatina comum tem de 4% a 5% de colágeno, as hidrolisadas contêm 85%. Porém o consumo do colágeno hidrolisado deve ser consumido de acordo com o acompanhamento médico e em quantidade muito bem dosada.

As gelatinas, normalmente, não têm grande contraindicações. Mas há casos de pessoas que tiveram problemas estomacais e inchaços.

É interessante unir a gelatina comum com pedaços de frutas, iogurtes, sucos, ajudando a aumentar o potencial nutritivo.

Os diabéticos devem consumir só a versão com menos açúcar.

Pessoas alérgicas a alguns determinados componentes da gelatina ou com insuficiência renal, precisam fazer exames e se consultar um médico antes de consumi-la.

As cápsulas de gelatina

Existem drogarias e farmácias que vendem as gelatinas em cápsulas. As gelatinas em cápsula contêm os mesmos benefícios que há na gelatina em pó, mas as cápsulas possuem uma maior eficiência para o fornecimento de colágeno. Isso ocorre, porque as cápsulas não possuem corantes na composição.

As gelatinas em pó possuem a vantagem de serrem digeridas mais facilmente pelo organismo, enquanto a desvantagem da encapsulada é a dosagem baixa quando comparamos com a forma em pó.

Mas é importante saber que o uso da gelatina em cápsulas, deve ser orientado e dosado por um médico, pois cada organismo possui suas próprias necessidades.

Leave a Reply