Sildenafila – O que é, para que serve, efeitos colaterais e mais

Sildenafila – O que é, para que serve, efeitos colaterais e mais
Rate this post

O Sildenafila é um remédio também conhecido como Viagra utilizado para tratar a disfunção erétil ou a impotência sexual. O Sildenafila pertence a um grupo de medicamentos chamados inibidores da fosfodiesterase 5 que impedem que uma enzima chamada fosfodiesterase 5 trabalhe muito rápido. O pênis é uma das áreas onde esta enzima funciona.

Sildenafila como funciona?

A disfunção erétil é uma condição na qual o pênis não endurece e se expande quando o homem está sexualmente excitado, ou quando ele não consegue manter uma ereção.

Quando um homem é sexualmente estimulado, a resposta normal de seu corpo é aumentar o fluxo sanguíneo para o pênis possa produzir uma ereção. Ao controlar a enzima Sildenafila ajuda a manter uma ereção durante a relação sexual, Sildenafila não irá funcionar para causar uma ereção, se não houver estimulação.

O Sildenafila é também utilizado em homens e mulheres para tratar os sintomas da hipertensão arterial pulmonar. Este é um tipo de pressão alta que ocorre entre o coração e os pulmões.

Quando a hipertensão ocorre nos pulmões, o coração deve trabalhar mais para bombear sangue suficiente através dos pulmões. O Sildenafila funciona na enzima PDE5 nos pulmões para relaxar os vasos sanguíneos, aumentando o suprimento de sangue para os pulmões e reduzir o trabalho do coração.

A eficácia no tratamento da disfunção sexual em mulheres não foi demonstrada e os efeitos secundários frequentes incluem dores de cabeça, azia ou vermelhidão da pele. Aconselha-se precaução naqueles que sofrem de doenças cardiovasculares.

Sildenafila para que serve?

Use este medicamento para uma condição prescrita por um profissional de saúde. O Sildenafila também está disponível para o tratamento de:

Disfunção sexual

A principal indicação do Sildenafila é o tratamento da disfunção erétil, que é a incapacidade de manter uma ereção satisfatória para completar a relação sexual. o uso agora é um dos tratamentos padrão para disfunção erétil, mesmo para homens com diabetes.

Disfunção sexual associada a antidepressivos

Pode ajudar homens que sofrem de disfunção erétil induzida por antidepressivos.

Hipertensão pulmonar

Melhora alguns marcadores da doença em pessoas com hipertensão arterial pulmonar e não parece afetar o risco de morte ou causar efeitos colaterais graves.

Vertigem

Melhora alguns fatores de risco para o edema pulmonar.

Raynaud

Inibidores da PDE5 são moderadamente eficazes no tratamento do fenômeno patológico de Raynaud secundário.

Uso recreativo

Varios estudos sobre os efeitos quando usados ​​recreativamente são limitados, mas sugerem que ele tem pouco efeito quando usado por aqueles que não sofrem de disfunção erétil. Em um estudo, foi demonstrado que uma dose de 25 mg não produziu nenhuma mudança significativa na qualidade erétil, mas reduziu o tempo pós-relaxamento refratário.

O uso recreativo é particularmente alto entre os usuários de drogas ilegais, pois às vezes é usado para neutralizar os efeitos de outras substâncias, como o MDMA, na tentativa de compensar o efeito colateral comum da disfunção erétil.

Esporte

Atletas profissionais usam acreditando que a vasodilatação de seus vasos sanguíneos beneficia Os músculos durante a atividade esportiva.

Como tomar Sildenafila

A dosagem de Sildenafila será diferente conforme a necessidade de cada um. As informações a seguir incluem apenas as doses médias desse medicamento. Se a sua dose é diferente, não a altere, a menos que o seu médico aconselhe isso.

O número de vezes que você toma por dia, o tempo permitido entre as doses e o tempo que você toma a medicação depende do problema médico para o qual você está usando a medicação.

Para a maioria dos pacientes, a dose recomendada é de 50 mg, conforme necessário, aproximadamente 1 hora antes da atividade sexual. No entanto, pode ser tomado de 30 minutos a 4 horas antes da atividade sexual. A frequência máxima recomendada por dia é de uma vez. Com base na eficácia e tolerância, a quantidade pode ser aumentada até uma dose máxima recomendada de 100 mg ou diminuída para 25 mg.

Para o tratamento da disfunção erétil e para a forma de dosagem oral

Adultos até 65 anos de idade – 50 miligramas como uma dose única não mais do que uma vez por dia, 1 hora antes da relação sexual. Alternativamente, a medicação pode ser tomada 30 minutos a 4 horas antes da relação sexual. O médico pode ajustar a dose, se necessário.

Adultos 65 anos de idade e mais velhos – 25 mg em uma dose única não mais do que uma vez por dia, 1 hora antes de relações sexuais. Alternativamente, a medicação pode ser tomada 30 minutos a 4 horas antes da relação sexual. Conforme orientação médica.

Para o tratamento da hipertensão arterial pulmonar

Adultos – 5 ou 20 miligramas, três vezes ao dia. Cada dose deve ser tomada com cerca de 4 a 6 horas de intervalo.

Crianças – o uso e a dosagem devem ser determinados pelo médico.

Os efeitos colaterais do Sildenafila

Para evitar os efeitos colaterais do Sildenafila, a quantidade recomendada é de 25 a 100 mg. O Sildenafila pode interagir com medicamentos similares, antidepressivos, antibióticos, antifúngicos, medicamentos para tratar a hipertensão, distúrbios da próstata, medicamentos para a pressão sanguínea ou cardíaca, medicamentos para hepatite C ou medicamentos para a AIDS.

Informe o seu médico sobre todos os remédios e suplementos que você usa. O Sildenafila não pode ser utilizado por mulheres grávidas ou a amamentar.

Os efeitos colaterais são raros, porém graves, incluem ereções prolongadas ou perda repentina da audição. Não deve ser tomado por pessoas que tomam nitratos, como nitroglicerina, pois pode levar a graves problemas de gota e pressão arterial.

Procure a emergência médica se tiver algum sinal de reação alérgica como urticária, dificuldade em respirar, inchaço do rosto, lábios, língua ou garganta.

Durante a atividade sexual, se sentir tontura, náusea ou dor, dormência ou formigamento no peito, nos braços, no pescoço ou na mandíbula, pare e chame um médico imediatamente.

Também é imprescindível que pare de usar e chame seu médico imediatamente se você tiver um efeito secundário como:

Dor no peito, dor que se estende ao braço ou ombro

Náusea, sudorese, mal-estar geral

Perda súbita da visão

Zumbido nos ouvidos ou perda repentina de audição

Pulsação irregular

Inchaço nas mãos, tornozelos ou pés

Dificuldade para respirar

Mudanças na visão

Tontura

Ereção do pênis doloroso ou que dura 4 horas ou mais.

Leave a Reply