Vasectomia: O que é? É reversível? É possível fazer pelo SUS?

Vasectomia: O que é? É reversível? É possível fazer pelo SUS?
Rate this post

Aqui vamos falar sobre Vasectomia e tirar muitas das suas dúvidas. A vasectomia é considerada um procedimento cirúrgico em que os homens são subordinados a um processe de esterilização e de uma maneira bem simples, que é comparada com a ligadura de trompas pelas mulheres, para se ficar mais claro o entendimento, sobre esse procedimento.

Um procedimento delicado

A Vasectomia é um procedimento considerado muito delicado para os homens que por isso é sempre cercado por muitas dúvidas por muitas pessoas e que algumas dessas dúvidas podem ser: O que é a Vasectomia? É um procedimento reversível? Tem-se a possibilidade de se fazer pelo SUS (Sistema Ùnico de Saúde)? Vamos esclarecer essas dúvidas agora.

Para os que não possuem condições financeiras

Para os homens que não possuem condições financeira de realizar esse procedimento de Vasectomia, pagando por todos os seus gastos. É permitido fazer essa cirurgia de graça e pelo SUS e o homem deve seguir a algumas exigências que são a da idade que deve ser acima dos 25 anos, com pelo menos dois filhos e se preencher a essas exigências pode ser realizado um agendamento para se fazer essa vasectomia.

Aos interessados nessa cirurgia

Aos interessados nessa cirurgia de Vasectomia pelo SUS, deverão se dirigir até um posto mais próximo de sua residência para explicar a sua situação e para que aconteça o primeiro passo que é um agendamento dessa cirurgia para que possa ser realizada pelo SUS, para que não se tenha nenhum gasto para que esse procedimento possa ser feito.

O candidato também deverá preencher um pequeno questionário e depois esperar o prazo de até 60 dias no mínimo para que a família tenha tempo e que seja suficiente para que aconteça uma decisão sobre se essa Vasectomia é realmente necessária a ser feita.

Se a decisão for positiva

Se a decisão para se fazer essa Vasectomia for positiva e o homem optar por fazer essa cirurgia, após o prazo de 60 dias, ele deverá ser encaminhado para um hospital que seja público e nesse mesmo hospital será dada uma data para que essa cirurgia seja realizada e esse procedimento funciona em 99% dos casos e é muito difícil de ter alguma complicação após esse procedimento cirúrgico.

Como é a Vasectomia

O procedimento de Vasectomia é feito a partir dos homens que produzem o que os médicos chamam de gametas ou espermatozoides, que são os responsáveis por toda a fecundação dos óvulos nas mulheres durante o ato sexual. Eles ficam guardados nos testículos e mais notadamente dentro de túbulos que são seminíferos.

Os espermatozoides ao serem formados por completo continuam a sua caminhada dentro do organismo e vão para uma região que é chamada de epidídimo que são uma espécie de passagem por esses dutos e a partir desse momento é que eles ganham mobilidade.

No processo de ejaculação

Quando acontece o processo de ejaculação esses mesmos dutos ficam responsáveis por dar uma direção para todos os gametas masculinos até que se alcance a região da uretra e após você entender todo esse procedimento, é que podemos compreender melhor como a Vasectomia irá agir.

Resumindo

Após tudo o que foi dito acima é possível entender resumidamente como a Vasectomia age e que também se trata de uma retirada de cada um desses dutos que foram envolvidos durante esse procedimento e o que restar poderá ser cauterizado ou até mesmo amarrado, isso fará com que se evite uma recanalização.

Depois disso tudo feito os espermatozoides deixarão de fazer parte da integração com o sêmen e todo esse procedimento que é chamado de Vasectomia possui a duração de até 20 minutos e nem mesmo é necessária ficar no hospital internado. É usada a anestesia local e logo após o término dessa cirurgia o homem poderá voltar para a sua casa sem nenhum tipo de problema.

Após essa cirurgia

Após essa cirurgia há a garantia de que não haja mais riscos de uma gravidez e nos primeiros dois meses, o casal deverá usar sempre algum método contraceptivo, após o procedimento da Vasectomia, isso é devido ao fato de que ainda possa existir a possibilidade de que haja algum espermatozoide e essa cirurgia não age no volume desse sêmen e nem na libido ou na ereção masculina.

É uma cirurgia reversível

Antes de tentar uma reversão dessa cirurgia é muito importante que o casal converse e chegue a um denominador comum, pois mesmo que existe a possibilidade de reversão e ela existe sim, que é chamada de cirurgia de vaso-vasectomia ou vasoanastomose, é um procedimento que é considerado muito delicado e também mais caro.

E o resultado de algumas dessas reversões não é muito eficaz e considerado baixo e principalmente para os homens que já fizeram essa reversão há algum tempo e por isso o diálogo entre o casal deve acontecer para que se tenha a certeza de que essa é a decisão a se tomar e conhecer todos os seus riscos também nessa cirurgia de Vasectomia.

O principal objetivo dessa cirurgia de Vasectomia

Todo esse procedimento dessa cirurgia de Vasectomia funciona sempre com base em órgãos que fazem parte dessa genitália do sexo masculino e o seu principal objetivo é o de fazer com que sempre o espermatozoide não possa mais fecundar esse óvulo feminino. Acontecendo uma série de procedimentos que são cirúrgicos e que irão depender também de toda a equipe de cirurgiões que irão realizar esse procedimento.

O procedimento de Vasectomia é dolorido

Essa é uma das dúvidas que pode dar medo nos homens que querem fazer esse procedimento e a resposta é não. Não é dolorido, pois, o paciente estará sedado ao fazer essa cirurgia e devido a isso não sentirá nenhum tipo de dor durante esse procedimento cirúrgico e o que pode ocorre após sete dias, seria um inchaço na região dos testículos.

E após 30 dias dessa cirurgia o paciente poderá fazer um exame para que seja comprovado se há algum esperma nesse sêmen e no caso de positivo, outros testes também poderão ser feitos para comprovar ou não o sucesso dessa cirurgia de Vasectomia.

Leave a Reply