ūü•á O que √© a Fluoxetina? E para o que serve? ūü§Ē

ūü•á O que √© a Fluoxetina? E para o que serve? ūü§Ē
1 (20%) 1 vote

O que é a fluoxetina e para que casos é indicada?

O uso da fluoxetina é indicado para pessoas que sofrem com a depressão, TOC, bulimia nervosa, ansiedade, disforia, irritação, TPM e TDPM. Ele ajuda a trazer a sensação de bem-estar através da serotonina.

Esse medicamento é encontrado com os nomes de Prozac, Daforin, Fluoxetine, Fludac, Eufor 20 ou na sua forma genéricacom o nome de Cloridrato de Fluoxetina.

Serotonina

A serotonina √© um horm√īnio que √© ativado e proliferado no nosso c√©rebro, atrav√©s do uso da fluoxetina. A serotonina ajuda a estabilizar as nossas emo√ß√Ķes, permitindo que se possa realizar as tarefas di√°rias com tranquilidade e sem mudan√ßas dr√°sticas de humor.

As doenças

Como dito anteriormente, a serotonina estabiliza o humor para os casos de depressão, TOC, bulimia nervosa, ansiedade, disforia, irritação, TPM e TDPM.

Depress√£o

A depress√£o √© uma doen√ßa que traz o sentimento de tristeza profunda, falta de interesse nas coisas que ocorrem ao seu redor, des√Ęnimo, falta de apetite, falta de prazer em realizar atividades e mudan√ßas do humor que pode gerar pensamentos suicidas.

A depressão tende a piorar se não for tratada. Ela é diferente da tristeza que precisa de um motivo concreto, vindo de algum acontecimento. A tristeza dura um período de tempo, já a depressão vai e volta.

TOC (Transtorno Obsessivo Compulsivo)

O Transtorno Obsessivo Compulsivo é uma doença que funciona através do sentimento de compulsão das pessoas com pensamentos e atos frequentes, independentemente de a pessoa querer ou não.

As obsess√Ķes aparecem na mente, mesmo quando se est√° realizando ou pensando em outra tarefa, trazendo muita angustia e ansiedade.

Bulimia nervosa

Quem possui bulimia nervosa come de forma r√°pida, em grandes quantidades e depois tenta eliminar o excesso de alimentos ingeridos pelo corpo com laxantes, jejum, regime ou exerc√≠cios.Essas pessoas se preocupam muito com o peso e passa por grandes varia√ß√Ķes de peso.

Quest√Ķes de hereditariedade e sociais criam maior propens√£o de algu√©m ter a bulimia nervosa. Em sua maioria, as pessoas que mais sofrem de bulimia nervosa s√£o as mulheres jovens que se preocupam muito com o aspecto f√≠sico.

Ansiedade

Sentir ansiedade √© normal e importante, pois nos fornece preocupa√ß√Ķes e sentimento de medo. Esse medo permite que as pessoas se mantenham alertas a poss√≠veis perigos. Com o medo o corpo se enche de energia para responder fisicamente e mentalmente a agress√Ķes, essa sensa√ß√£o √© o que denominamos de ansiedade.

Mas quando esse sentimento se torna muito forte e cont√≠nuo e sem uma raz√£o aparente, isso passa ser uma doen√ßa psicol√≥gica. Os principais sintomas s√£o o cora√ß√£o bater de forma mais r√°pida, sensa√ß√£o de press√£o no peito, falta de ar, ins√īnia, tremor e dor f√≠sica.

Disforia

√Č quando acontece um fluxo transit√≥rio de √Ęnimo com tristeza e ang√ļstia. O sentimento √© de depress√£o, melancolia e pessimismo. A sensa√ß√£o √© muito subjetiva, vaga e indeterminada. Ele tamb√©m pode ser consequ√™ncia do uso de opi√≥ides¬†ou de buspirona.

Irritação

A irrita√ß√£o tem origem de sentimentos como o de frustra√ß√£o por n√£o termos a habilidade de controlar as coisas ao nosso redor. O mau humor de vez em quando e pequenos momentos de explos√Ķes s√£o bastante saud√°veis quando s√£o originadas por um bom motivo.√Äs vezes esse¬†mau humor¬†se estende por semanas, meses ou anos e, quando essa irrita√ß√£o n√£o acaba, √© sinal que existe uma depress√£o.

TPM

A¬†TPM√© o que chamamos de S√≠ndrome Pr√©-Menstrual que acontece nos 10 primeiros dias antes da menstrua√ß√£o. Acontece uma mistura de sensa√ß√Ķes como ansiedade, c√≥licas, dores nas costas, varia√ß√£o de humor sensibilidade nos seios, dor de cabe√ßa, incha√ßo, problemas de pele, surtos de irritabilidade. Os sintomas est√£o relacionados √†s mudan√ßas hormonais durante o ciclo menstrual.

TDPM

A TDPM é o Transtorno Disfórico Pré-menstrual e é um dos tipos de TPM. Ela causa uma grande e intensa mudança de humor podendo prejudicar a vida pessoal e profissional.

Os sintomas são depressão, pessimismo, sentimentos autodepreciativos, excesso de ansiedade, muita irritação, instabilidade, desinteresse na realização de atividades habituais, dificuldade em se concentrar e falta de energia.

Dosagem e possíveis efeitos colaterais

Cada comprimido de fluoxetina pode ter de 10mg a 20mg, com caixas de 14, 20, 28, 30 ou 60 comprimidos. Também é possível encontrar a forma liquida que pode ser de 20ml ou 30ml. A dosagem correta é indicada pelo médico depois da avaliação do caso clínico.

Alimentação

Um dos efeitos colaterais da fluoxetina é a falta de vontade de comer levando a um emagrecimento, devido a uma alimentação desequilibrada e incorreta. Mas, isso, não é uma regra existem pessoas que engordam e sentem mais fome. Tudo depende do organismo de cada um.

Ins√īnia e sonol√™ncia

A fluoxetina pode causar mudan√ßa na rotina do sono. Ela pode levar tanto a um efeito de grande sonol√™ncia durante o dia como pode trazer dificuldade para dormir, causando ins√īnia. O problema para dormir tamb√©m pode estar associado √† outros sintomas como o nervosismo e levar a alucina√ß√Ķes.

Problemas motores

Com as mudanças na rotina de sono, a mente pode ficar confusa prejudicando o sistema motor, levando a tremores físicos. Durante o começo do tratamento é contraindicado fazer atividades que precisam de concentração e possa proporcionar perigo.

Efeitos colaterais físicos

O consumo de fluoxetina pode causar efeitos f√≠sicos como dores nas articula√ß√Ķes, n√°useas, convuls√Ķes, inflama√ß√Ķes pelo corpo, boca seca, diarreia, fraqueza, perda da for√ßa muscular, diminui√ß√£o do desejo sexual, febre, dist√ļrbios nos batimentos card√≠acos, fadiga, sangramentos ginecol√≥gicos, coceira, excesso de suor, dificuldade para respirar e dificuldade de engolir.

Pensamentos de suicídio

Algumas pessoas que tomam fluoxetina começam a ter pensamentos suicidas, que podem desaparecer ou diminuir com uma mudança na dosagem. A fluoxetina na dosagem correta melhora o humor, o sono, melhora o pensamento e acaba com a fadiga.

Depois do tratamento

O fim do tratamento com a fluoxetina pode levar a alguns efeitos físicos e mentais. Mas eles são facilmente eliminados com a continuidade do medicamento por mais um tempo ou o uso de uma outra medicação.

Leave a Reply